sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Taça UEFA: Braga excepcional, Benfica qb

Boas notícias para Portugal no que diz respeito ao ranking da UEFA. Depois da preciosa vitória do Sporting frente ao Shakhtar Donetsk, foi a vez de Braga e Benfica contribuírem com valiosos pontos que ajudam Portugal a segurar o 9º lugar no dito ranking.


O Braga bateu ontem os ingleses do Portsmouth por 3-0, com uma verdadeira exibição de gala. O treinador dos 'Pompeys' Harry Redknapp (que afirmara não conhecer nada do Braga) viu a sua habitual táctica (toda a equipa a jogar para o gigante Peter Crouch) ser totalmente anulado pelos pupilos de Jorge Jesus. Luis Aguiar abriu o marcador com um golaço, na sequência de um livre directo. O uruguaio estaria de novo em evidência, já na segunda parte, ao assistir Renteria para o seu primeiro golo ao serviço dos arsenalistas. Alan ainda teve tempo para carimbar uma goleada histórica, apontado um merecido golo ao minuto 88. Os Bracarenses afirmam-se cada vez mais na Europa, desta vez às custas de uma equipa recheada de estrelas, como Crouch, Defoe, Kanu, Sol Campbell, David James, Papa Bouba Diop ou John Utaka.

O Benfica foi a Berlim lograr um resultado positivo. O empate a uma bola acaba por penalizar mais o Hertha que os 'encarnados', que estiveram irregulares ao longo dos 90 minutos. No entanto, verdade seja dita, o Benfica podia ter acabado com a malapata dos jogos na Alemanha, pois o golo do adversário só surgiu ao minuto 74, por intermédio de Pantelic. Di Maria abriu o activo aos 51 minutos, após grande passe de Nuno Gomes. Quique Flores esteve melhor e no pior do jogo. Condicionado pela lesão de Yebda no aquecimento, apostou em Binya e Di Maria no onze titular. Ao intervalo, fez bem em tirar o apático Cardozo e colocar o interventivo Suazo em campo. O técnico espanhol esteve definitivamente mal quanto substituiu Katsouranis por Carlos Martins, numa altura em que tinha de defender o resultado. Perdeu o meio-campo, perdeu altura, a equipa desorganizou-se e esteve muito perto de sofrer o segundo golo. Para bem do futebol português tal não aconteceu, e o Benfica garantiu os serviços minimos.

Eis os resultados dos jogos de ontem, relativos à 1ª jornada da fase de grupos da Taça UEFA:

Braga 3 - 0 Portsmouth
Aston Villa 2 - 1 Ajax
Partizan 1 - 2 Sampdoria
Heerenveen 1 - 3 AC Milan
Dinamo Zagreb 3 - 2 NEC Nijmegen
Sevilha 2 - 0 Estugarda
Rosenborg 0 - 0 Club Brugge
FC Copenhaga 1 - 3 Saint-Etienne
Nancy 3 - 0 Feyenoord
Hertha Berlim 1 - 1 Benfica
Galatasaray 1 - 0 Olympiacos
Twente 1 - 0 Racing Santander
Udinese 2 - 0 Tottenham
Zilina 1 - 2 Hamburgo
Schalke 3 - 1 Paris-SG
CSKA Moscovo 3 - 0 Deportivo

2 comentários:

Miguel Barros disse...

Foram dois excelentes resultados, de facto.
Devo confessar que fiquei bastante admirado com a exibição e em especial o resultado obtido pelo SC Braga. Dar "3 sêcos" a uma equipa que nos últimos anos tem andado sempre pelos 6, 8 primeiros lugares da Premier Leaque é OBRA! E mais, ontem o Braga vulgarizou esta equipa britânica que tem nos seus quadros jogadores altamente cotados a nível mundial.

Com este resultado não tenho dúvidas de que o SC Braga está com um pé na fase final da Uefa. 50% do caminho está feito, os outros 50% serão alcançados se conseguirem vencer no outro jogo em casa, diante do Wolfsburgo. Pelo que vimos ontem, é mais do que possivel. E 6 pontos nesta fase de grupo da Uefa normalmente garantem a passagem à fase seguinte.

Quase qualificado está também o Benfica, pois a jogar como está não acredito que deixe escapar as vitórias caseiras diante do Galatasaray e de Matalist (pelo menos tem obrigação de vencer estes dois jogos caseiros, onde é claramente favorito).

Em suma, dois excelentes resultados para o nosso ranking.

No que toca a restantes resultados desta 1ª ronda da Uefa destaco a derrocada do Tottenham. Já não bastava estarem em último da Premier e agora também entram com o pé esquerdo na fase de grupos da Uefa. Algo (de mal) se passa pelas bandas de White Heart Lane...

Quique Faunas disse...

Adorei a desculpa que escreveram no record hoje... q o katso pediu para sair..