terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Mundial'2018: os adversários da candidatura ibérica

Gilberto Madaíl e Angel Maria Villar oficializaram ontem a candidatura ibérica ao Mundial'2018. Será, indubitavelmente, uma candidatura de respeito, mas outras surgem como potenciais vencedoras. Para além da Inglaterra, que foi a primeira a 'entrar em campo', a Rússia vai em breve apresentar os seus trunfos (Roman Abramovich é um deles). Da Ásia surgem várias possibilidades: a China, aproveitando o sucesso do Jogos Olímpicos de Pequim, o Qatar e o Japão, estão a ponderar avançar para uma candidatura. A Áustralia, e um trio constituído por Estados Unidos, Canadá e México poderão ser mais duas propostas a ter em conta.

2 comentários:

materials disse...

Although there are differences in content, but I still want you to establish Links, I do not
fashion jewelry

Anónimo disse...

O Gilberto Madaíl desde que tirou a barba, está cada vez mais FEIO e VELHO.
Ele já com aquela pêra já era feio, agora que tirou, ainda ficou mais feio e velho.
Mais um para adicionar ao caixote do lixo de maricas que não gostam de barba.
Sim, porque barba é um símbolo masculino, um elemento que o sexo masculino deu aos homens e que estes rejeitam injustamente.
Proença de Carvalho, João de Deus Pinheiro, Manuel Vilarinho,Jorge Coelho e este Gilberto Madaíl, usaram barba quando eram mais novos e que agora tiraram, porquê?
Porque estão com a mania que sem barba parecem mais novos, MENTIRA, parecem é mais velhos, pois sem barba começam a aparecer as rugas e pele envelhecida á medida que envelhecem, ao passo que se tivessem barba completa, esta ocultava as rugas e pele envelhecida.
Vocês eliminam uma coisa masculina, rejeitam uma coisa masculina, desgostam de uma coisa masculina, por isso não estão em condições de dizer que são homens exempleres.
Um HOMEM QUE REALMENTE GOSTA DE SER HOMEM ACEITA TUDO O QUE É MASCULINO, INCLUINDO A BARBA.
Estes nomes que mencionei são mais uns a adicionar na lista dos maricas.